9 de mai de 2008

Águas sertanejas

O maior rio do Piauí é o Parnaíba com aproximadamente 1.716 km de extensão, servindo como divisa natural com o Maranhão. O rio teve seu curso modificado nas proximidades da cidade de Guadalupe, formando a represa de Boa Esperança onde passou a existir um grande lago artificial.

Os principais afluentes do Parnaíba deste lado da divisa são: Longá, Poty, Canindé, Gurguéia, Piauí, Itaueira e Uruçuí-Preto.

No entanto, a maioria dos rios piauienses são intermitentes, ou seja, secam durante um período do ano.

Aquíferos

Os principais aquíferos sob o Piauí são: Urucuia/Areado, Poti-Piauí,Barreiras, Cabeças e Cristalino Nordeste.

No sudoeste do estado, por meio de poços artesianos, a água subterrânea é bastante utilizada na irrigação das lavouras.